Contabilidade para ecommerce

Contabilidade para ecommerce

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Procurando uma contabilidade para ecommerce que ofereça serviços completos para abertura e regularização da sua loja virtual? Então, você chegou ao lugar certo!

Neste conteúdo, você encontra tudo o que precisa saber antes de montar um ecommerce, incluindo, o melhor regime tributário, tipos de natureza jurídica, passo a passo para abrir uma loja virtual e até mesmo um passo a passo completo para montar o seu ecommerce do zero.

Com uma leitura atenta a esse conteúdo, você será capaz de montar um ecommerce totalmente do zero e tomar as melhores decisões e escolhas para o futuro dos seus negócios.

Sendo assim, não perca a oportunidade, fique conosco até o final e aproveite esse material completo que a RSP Contabilidade para ecommerce preparou para você!

Tipos de regime tributário para ecommerce

Tipos de regime tributário para ecommerce

Vamos começar esse conteúdo falando a respeito dos tipos de regime tributário, uma das principais dúvidas daqueles que procuram uma contabilidade para ecommerce.

Antes de mais nada, é preciso destacar que um ecommerce precisa contribuir com os seguintes impostos:

  • ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços;
  • ICMS ST – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços Substituição Tributária;
  • CSLL – Contribuição Social sobre o Lucro Líquido;
  • PIS – Programa de Integração Social;
  • COFINS – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social;
  • ISS – Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza;
  • IPI – Imposto sobre Produtos Industrializados;
  • IRPJ – Imposto sobre a Renda das Pessoas Jurídicas;

Por sua vez, a contribuição pode ocorrer por meio de quatro diferentes regimes tributários, são eles:

  • MEI;
  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real.

Confira as principais características de cada regime e descubra a opção mais econômica para a sua loja virtual.

MEI

MEI – Microempreendedor Individual é um regime tributário destinado a formalização de pequenos negócios cujo faturamento anual não exceda R$ 81 mil reais.

É uma boa opção para quem pretende montar um pequeno ecommerce e dispõe de pouco investimento.

No MEI, a empresa pagará apenas R$ 56,00 mensais em impostos, obterá um CNPJ e poderá emitir notas fiscais normalmente.

Contudo, além do limite de faturamento que pode vir a ser um problema, caso a loja virtual cresça rapidamente, o MEI possui outras restrições que precisam ser observadas, dentre elas:

  • Permissão para contratar apenas 1 funcionário;
  • Não permite a formação de sociedade, ou seja, a inclusão de sócios;
  • O MEI também não pode ser sócio em outras empresas.

Simples Nacional

Quando o assunto são os tipos de regime tributário para ecommerce, temos o Simples Nacional como uma boa opção.

O Simples Nacional é um regime tributário simplificado destinado a empresas com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

Nesse regime, os impostos são pagos em guia única, com vencimento mensal é calculada com base no faturamento da empresa e alíquotas da tabela abaixo:

Faixa Alíquota Valor a Deduzir Receita Bruta em 12 Meses 
1ª Faixa 4,00% Até 180.000,00
2ª Faixa 7,30% 5.940,00 De 180.000,01 a 360.000,00
3ª Faixa 9,50% 13.860,00 De 360.000,01 a 720.000,00
4ª Faixa 10,70% 22.500,00 De 720.000,01 a 1.800.000,00
5ª Faixa 14,30% 87.300,00 De 1.800.000,01 a 3.600.000,00
6ª Faixa 19,00% 378.000,00 De 3.600.000,01 a 4.800.000,00

Como podemos observar, no Simples Nacional para ecommerce as alíquotas dos impostos ficam entre 4% e 19% de acordo com o porte, ou seja, o faturamento da empresa.

Contudo, consideradas as deduções da tabela do Simples Nacional, as alíquotas são ainda menores, ficando entre 4% e 11,12% do faturamento.

Por fim, vale destacar que o Simples Nacional e os demais regimes tributários apresentados na sequência, não contam com as restrições presentes no MEI, ou seja, é possível ter sócios e contratar funcionários de forma ilimitada.

Lucro Presumido

Como opção ao Simples Nacional, temos o Lucro Presumido, opção indicada para empresas de maior porte, cujo faturamento anual não ultrapasse R$ 78 milhões.

Nesse regime tributário, o ecommerce precisa calcular e pagar seus impostos em guias separadas.

Os impostos são os mesmos cobrados em outros regimes, no entanto, as alíquotas e a forma de cálculo dos tributos muda.

No geral, a alíquota de tributação para ecommerce no Lucro Presumido fica entre 13,33% e 16,33% sobre o faturamento.

Lucro Real

Por fim, temos o Lucro Real, opção obrigatória para grandes ecommerces com faturamento anual superior a R$ 78 milhões de reais.

Confira as alíquotas de tributação no Lucro Real:

  • COFINS: 7,6%
  • PIS: 1,65%
  • IRPJ: 15%
  • CSLL: 9%

Vale destacar que no Lucro Real, o PIS e a COFINS são calculadas sobre o faturamento da empresa, enquanto o IRPJ e a CSLL sobre o lucro dos negócios.

Devido a alta carga tributária, essa não costuma ser uma boa alternativa para aqueles que estão montando um ecommerce.

Tipos de natureza jurídica para ecommerce

Tipos de natureza jurídica para ecommerce

Agora que você já conhece os tipos de regime tributário para ecommerce, é hora de tirar as suas dúvidas em relação ao tipo de natureza jurídica ou regime societário.

Você pensa em abrir a sua empresa com sócios ou sem sócios? 

A definição da melhor natureza jurídica para montar o negócio, também é uma das principais dúvidas da contabilidade para ecommerce, confira as opções:

EI Empresário Individual

O EI é uma natureza jurídica para quem deseja abrir um ecommerce de forma individual, ou seja, sem sócios.

Para abrir uma empresa individual além de não precisar de sócios, o empresário também não precisa de capital social, ou seja, investimento mínimo.

Sendo assim, apesar de ser uma alternativa para quem deseja abrir uma empresa sem sócios, o EI conta com a desvantagem de vincular o patrimônio do empresário ao da empresa.

Na prática, isso significa que em caso de dívidas ou falência da empresa, o patrimônio pessoal do sócio poderá ser utilizado para o pagamento dos saldos devedores.

EIRELI – Empresa Individual de Responsabilidade Limitada

Por sua vez, a Eireli – Empresa Individual de Responsabilidade Limitada surgiu como uma alternativa para quem deseja abrir uma empresa sem sócios, mantendo o seu patrimônio pessoal separado do patrimônio da empresa.

Ao abrir um ecommerce como Eireli, o empresário mantém o seu patrimônio pessoal desvinculado da empresa, contando assim com maior segurança jurídica em caso de dívidas ou até mesmo falência do ecommerce.

No entanto, para abrir um ecommerce Eireli, a legislação em vigor exige um capital social mínimo equivalente a  100 salários, o que pode ser um empecilho para a escolha dessa natureza jurídica.

SLU – Sociedade Limitada Unipessoal

A Sociedade Limitada Unipessoal reuniu as principais vantagens das naturezas jurídicas anteriores para oferecer uma melhor opção aos empresários, favorecendo o empreendedorismo no Brasil.

Essa natureza jurídica foi criada pela Lei da Liberdade Econômica, sendo considerada uma opção muito flexível e uma das melhores alternativas para quem deseja abrir um ecommerce sem sócios.

A Sociedade Unipessoal não exige capital social mínimo e, mesmo assim, mantém o patrimônio do sócio separado do patrimônio da empresa, oferecendo maior segurança jurídica ao empresário.

Sociedade Empresária Limitada

Por fim, temos a Sociedade Empresária Limitada, opção para quem deseja abrir um ecommerce com sócios.

Na Sociedade Empresária Limitada o patrimônio pessoal dos sócios fica separado do patrimônio da empresa e não  é exigido capital social mínimo para abertura do negócio.

Contabilidade para ecommerce: Como abrir um ecommerce passo a passo

Como abrir um ecommerce passo a passo

Você que chegou até aqui já conhece os tipos de natureza jurídica e os regimes tributários para ecommerce, agora vamos conhecer o passo a passo completo para abrir um ecommerce.

Aqui você vai conferir todos os passos para registrar e regularizar a empresa perante aos órgãos públicos, não perca!

1.Defina a natureza jurídica e o regime tributário

Nos tópicos anteriores listamos as naturezas jurídicas e regimes tributários para abrir um ecommerce, agora, é hora de definir a melhor opção para a abertura da sua empresa.

Em geral, os ecommerces são optantes pelo Simples Nacional e registrados como Sociedade Limitada Unipessoal ou Sociedade Empresária Limitada.

No entanto, é importante contar com a orientação e análise da contabilidade para ecommerce a fim de tomar sempre as melhores decisões.

Precisa do apoio de uma contabilidade para ecommerce? Conte com o nosso time de especialistas!

2.Registre a empresa na Junta Comercial

Após definir a melhor natureza jurídica e regime tributário para abrir o seu ecommerce, será necessário elaborar um documento conhecido como Contrato Social para registro da empresa na Junta Comercial.

 A Junta Comercial é uma espécie de cartório para registro de empresas, enquanto o Contrato Social, uma espécie de certidão de nascimento do meio empresarial.

No Contrato Social precisam constar algumas informações importantes, dentre elas:

  • Nome e qualificação dos sócios;
  • Natureza jurídica da empresa;
  • Atividades a serem desenvolvidas;
  • Capital social da empresa;
  • Local de instalação.

3.Registre o ecommerce na Receita Federal para emissão do CNPJ

Logo após registrar a empresa na Junta Comercial, é hora de solicitar o registro da empresa na Receita Federal.

A Receita Federal é o órgão responsável pela emissão do CNPJ – Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas, documento obrigatório para empresas instaladas no Brasil.

O CNPJ é um número composto por 14 algarismos com base na seguinte estrutura:

XXX. XXX/XXX-XX.

Além de obrigatório, esse documento será necessário para as demais etapas relacionadas a abertura de um ecommerce.

4.Registre o ecommerce na Secretaria Estadual de Fazenda

Com o CNPJ em mãos, é hora de solicitar o registro da empresa na Secretaria Estadual de Fazenda, órgão ligado ao governo do estado, responsável pela emissão da Inscrição Estadual.

Na prática, podemos afirmar que a Inscrição Estadual, é um documento semelhante ao CNPJ, no entanto, com origem estadual.

Vale destacar que além de emitir a Inscrição Estadual do ecommerce, a Secretaria de Fazenda também ficará responsável por liberar a empresa para emitir notas fiscais.

5.Solicite a Inscrição Municipal e o Alvará de Funcionamento na Prefeitura

Já registramos o ecommerce nas esferas federal (CNPJ)  e estadual (Inscrição Estadual), agora, vamos tratar do registro na esfera municipal.

Na esfera municipal, precisamos registrar o ecommerce na Prefeitura ou Secretaria Municipal de Fazenda, instituições responsáveis por conceder a Inscrição Municipal da empresa e conceder o seu Alvará de Funcionamento.

Vale destacar que sem um Alvará de Funcionamento válido, as empresas ficam impedidas de exercer as suas atividades, mesmo que de forma virtual.

6.Adquira um certificado digital A1 ou A3

Após todos os registros anteriores, será preciso adquirir um certificado digital, item obrigatório para assinatura eletrônica de documentos, emissão de notas fiscais e envio de obrigações acessórias ao fisco.

Existem basicamente dois tipos de certificado digital para  ecommerces, são eles:

Certificado Digital A1: Disponibilizado como um arquivo de computador criptografado e protegido por senha com validade de 1 ano.

Certificado Digital A3: disponibilizado através de uma mídia externa que pode ser um cartão ou um token com validade de 3 anos.

Precisa emitir um certificado digital? Entre em contato conosco!

7.Registre o ecommerce na Previdência Social e Caixa Econômica Federal

Por fim, será preciso registrar o ecommerce na Previdência Social e na Caixa Econômica Federal, a fim de que seja possível recolher as contribuições ao INSS e também o FGTS dos funcionários.

Cumpridas todas as etapas para abrir um ecommerce, sua empresa estará apta para entrar em funcionamento.

No entanto, ainda falta algo muito importante: Montar o ecommerce!

Mas, não se preocupe, montamos um passo a passo completo para ajudar você nessa tarefa, confira logo abaixo:

Bônus: Como abrir um ecommerce: Montando a loja virtual

Como abrir um ecommerce: Montando a loja virtual

Na etapa de montagem do ecommerce, é preciso cuidar de todos os processos necessários para construção do site, ou seja, do ambiente virtual que dará vida a sua loja na internet.

Por sinal, montar um ecommerce atualmente é muito fácil, afinal plataformas como a Nuvem Shop e a Loja Integrada, oferecem ambientes configuráveis e customizáveis para quem deseja montar uma loja virtual em poucos passos.

No entanto, para fornecer essa facilidade, esses provedores costumam cobrar uma mensalidade dos lojistas.

Se você ainda não conhece o serviço dessas empresas, vale a pena acessar os sites e conferir, mas se preferir montar um ecommerce totalmente do zero e evitar custos com mensalidades, confira o passo a passo abaixo:

1.Definição e registro do domínio

A primeira coisa que precisamos fazer para abrir um ecommerce e colocar um site no ar, é definir o nome da loja virtual e o seu endereço de domínio, ou seja, o endereço do site na internet.

Em geral, o domínio de um ecommerce é formado pelo nome da loja e uma estrutura padrão para o endereçamento web, como “.com” ou “.com.br”.

Após definir o nome do seu ecommerce, você precisará acessar um site especializado na venda de domínios, como por exemplo, o registro.br. 

Se preferir, você também poderá adquirir o domínio do seu ecommerce diretamente com o provedor de serviços de hospedagem.

2.Escolha uma hospedagem para o seu ecommerce

Por sua vez, a hospedagem é o local onde o seu ecommerce ficará armazenado na internet. 

Na prática, todo site possui uma série de imagens, textos, banners e uma série de outros itens e informações que precisam ficar armazenadas em um servidor.

Esse servidor é fornecido por serviços especializados em hospedagens de site, como o Hostgator e o Hostinger e a Locaweb. 

Como destacamos no tópico anterior, é comum que provedores de hospedagem também ofereçam serviços de registro de domínio. Sendo assim, cabe a você comparar preços e benefícios para definir a melhor opção para o seu ecommerce.

3.Instalação do WordPress

Após o registro do domínio do seu site e a contratação do servidor de hospedagem, o próximo passo é solicitar ao provedor de hospedagem a instalação do WordPress no servidor da sua loja.

O WordPress é uma das ferramentas para desenvolvimento de sites mais utilizadas em todo o mundo por ser de fácil manuseio e permitir diversas alterações nos sites por meio de plugins específicos.

Após a instalação do WordPress, acesse a página de administração do seu site no seguinte endereço: www.seusite.com.br/wp-admin.

Na área de administração do WordPress, escolha um tema para o seu ecommerce, configure as páginas do site e instale os plugins necessários para a personalização da sua loja virtual.

Se preferir, você também pode investir na contratação de um programador para construir o seu ecommerce do zero ou implementar modificações avançadas no WordPress no seu site.

No entanto, com um pouco de conhecimento em informática, disponibilidade de tempo e com a ajuda desse passo a passo e tutoriais na internet, você conseguirá montar o seu ecommerce sem complicações.

4.Instalação e configuração do seu ecommerce

Após cumprir a etapa anterior, o seu ecommerce está quase pronto para entrar em funcionamento. 

No entanto, para que isso seja possível, é hora de providenciar a instalação e configuração das funcionalidades da sua loja.

Para isso, você pode contar com plugins específicos para ecommerces como o Woocommerce e o Magento.

Esses plugins serão responsáveis por disponibilizar no seu ecommerce funcionalidades como cadastro de produtos e carrinho de compras, permitindo os visitantes visualizem, escolham seus produtos e finalizem suas vendas sem dificuldades.

Com um plugin específico para ecommerce você pode inserir informações completas sobre cada produto como, por exemplo:

  • Nome
  • Descrição;
  • Imagens e Vídeos;
  • Especificações Técnicas;
  • Preço;
  • Quantidade em Estoque.

Além das funcionalidades citadas, também será possível controlar os pedidos recebidos.

5.Definição do frete e forma de pagamento

Para finalizar o passo a passo para configuração do seu ecommerce, será necessário definir as formas de frete e pagamento para os pedidos registrados no site.

Formas de Pagamento: Para receber pagamentos no seu site, você precisará contratar os serviços de um provedor de pagamentos, como o Pag Seguro ou o Mercado Pago e instalar o plugin do provedor escolhido no seu site.

Frete: Em relação ao frete, você precisará firmar parceria com empresas que prestem serviços de transporte de cargas e pedidos, como transportadoras especializadas em ecommerces ou o Correios.

O ideal é oferecer ao menos duas opções de frete para escolha dos clientes. Vale lembrar que quanto menor os custos de frete melhor para seus clientes que economizam e para o seu ecommerce que vende mais.

Principais vantagens da contabilidade para ecommerce

Principais vantagens da contabilidade para ecommerce

Você já conhece as principais vantagens da contabilidade para ecommerce? Confira:

  • Orientação para registro e regularização da empresa;
  • Apoio e assessoria de profissionais especializados no segmento;
  • Planejamento tributário para economia de impostos;
  • Aproveitamento de isenções e benefícios fiscais;
  • Orientação para contratação e admissão de funcionários;
  • Cálculo de folha de pagamento e pró-labore dos sócios;
  • Manutenção das obrigações do ecommerce com o fisco sempre em dia;
  • Elaboração e apresentação de balanços, balancetes, demonstrativos de resultados, dentre outros relatórios importantes.

Procurando uma contabilidade para ecommerce especializada e preparada para oferecer todas as vantagens listadas acima para impulsionar o crescimento dos seus negócios? Conte com a RSP Contabilidade!

Como a RSP Contabilidade para ecommerce pode ajudar o seu negócio

Se você procura uma contabilidade para ecommerce completa, a RSP é a sua melhor opção.

Contamos com larga experiência no segmento e um time formado por profissionais treinados e altamente capacitados para fornecer orientações e esclarecer todas as suas dúvidas, garantindo que as obrigações da sua empresa com o fisco estejam sempre em dias.

Veja como podemos contribuir para o crescimento do seu ecommerce:

  • Departamento Fiscal: Mantenha sua empresa em conformidade e distante de problemas fiscais!
    • Planejamento tributário;
    • Cálculo de impostos;
    • Aproveitamento de benefícios fiscais;
    • Escrituração de documentos fiscais;
    • Emissão de livros e relatórios.
  • Departamento Contábil: Todo o cuidado com demonstrações, relatórios e demais aspectos para manter seus números impecáveis!
    • Escrituração contábil;
    • Elaboração de balanços, balancetes e demonstrativos;
    • Entrega de obrigações contábeis ao fisco.
  • Departamento Pessoal: Segurança no cumprimento das suas obrigações e distância de processos trabalhistas!
    • Admissão e registro de funcionários;
    • Cálculo da folha de pagamento e pró-labore;
    • Envio do eSocial e demais obrigações acessórias.
  • Legalização: Tenha todo o suporte contábil necessário para garantir a legalização e regularidade da sua empresa!
    • Orientação para registro e legalização de empresas;
    • Elaboração do contrato social;
    • Registro da empresa nos órgãos públicos.
  • BPO Financeiro: Organize suas contas pagando menos ao final do mês!
    • Controle de contas a pagar;
    • Controle de contas a receber;
    • Conciliação bancária;
    • Conciliação de cartões;
    • Controle de fluxo de caixa;
    • Apresentação de relatórios.

Confie a contabilidade do seu ecommerce a quem tem larga experiência de mercado, resultados comprovados e compromisso com a qualidade, venha para a RSP Contabilidade.

Entre em contato conosco, converse com nossos especialistas e descubra como podemos contribuir para o sucesso e crescimento da sua empresa!

Quero falar com um especialista

Rua Silveira Campos, 375 | 1º Andar Cambuci | São Paulo – SP | CEP: 01541-020

(11) 3349-3383

(11) 99184-7891

contato@rspcont.com.br

Abra Sua Empresa - Contabilidade em São Paulo | RSP Contabilidade

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você!
Você foi bloqueado no Mercado Livre? Nesse conteúdo, vamos ajudar…
Cresta Posts Box by CP

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies diversos para publicidade, isso ajuda a melhorar sua experiencia.
Nossa equipe é icentivada e motivada a sempre interferir na formulação de novos processos que visem otimizar o fluxo de trabalho e consequentemente garantir maior qualidade para você, buscamos participar de congressos e conhecer o que há de mais atual no mercado no que tange a tecnologoia aplicada na execução de nossos serviços para cada dia mais melhorar nossa entrega garantindo assim sua satisfação precisão e agilidade.

Contamos com um rigoroso controle de processos que visa garantir agilidade e assertividade na execução de todos nossos trabalho.

Optando por nosso serviço financeiro você terá a tranquilidade e comodidade de contar com um apoio administrativo que visará diminuir ao máximo a necessidade de sua intervenção em tarefas de controle financeiro, o objetivo é maximixar o tempo que você focará na estratégia e liderança de seu negócio, visando assim, consequente crescimento de forma consistente

Em todos nossos planos cumprimos com todas as conformidades, legais, garantindo sua tranquilidade e segurança de que sua empresa estará regular e com suas obrigações em dia.
Monitoramos e registramos nossos chamados para mensurar o tempo gasto em cada resolução, sempre buscando melhorar nossos indicadores de atendimento, fornecendo para você maior agilidade no atendimento de sua demanda.

Nossas consultorias inicia por ouvir, entender e buscar a forma mais simples, clara e objetiva de esclarecer sua necessidade.